Guia Low Cost para Roma – Viagens Baratas

Roma, a Cidade Eterna, é um dos destinos mais visitados na Europa e um ponto de passagem obrigatório em Itália.

Em algumas épocas do ano a cidade é literalmente invadida por turistas e os preços dos quartos de hotel e dos restaurantes aumentam exponencialmente.

Por isso, para visitar Roma é necessário fazer um planeamento prévio, tanto na compra dos voos como na reserva do hotel.

A antecipação deve ser maior em alguns períodos do ano como a época de Natal, o Ano Novo, na semana da Páscoa e nos meses de julho e agosto.

Se quiser evitar grandes aglomerações de pessoas e filas intermináveis para visitar os principais museus e monumentos evite viajar nestas épocas do ano.

Os períodos mais baratos para visitar Roma são entre janeiro e meados de março e de outubro até à segunda quinzena de dezembro.

Como Ir

Os voos mais baratos para Roma são oferecidos pela companhia aérea Ryanair que voa para o aeroporto de Ciampino localizado a cerca de 15 quilómetros da capital italiana.

A Ryanair oferece voos diários entre Lisboa e Roma a partir de 56 €. Pelo mesmo preço é possível também encontrar bilhetes de avião entre o Porto e Roma. No entanto, para esta rota existem apenas dois voos por semana (segunda e sexta-feira).

A tarifa encontrada é mais baixa disponível e pode ser encontrada em datas específicas.

Por seu turno, a companhia aérea TAP disponibiliza voos desde 140 €, ida e volta (tarifa discount).

A companhia aérea oferece 4 ligações diárias a partir de Lisboa com saídas às 7h, 11h30, 14h20 e 19h40.

A partir do Porto, a TAP oferece um voo diário para Roma com partida às 7h45.

Saber mais sobre como encontrar voos baratos para Roma.

Tarifas low cost na Ryanair

Voos baratos para Roma na Ryanair

Como se deslocar

A cidade de Roma é servida por dois aeroportos: Fiumicino e Ciampino. O primeiro é utilizado pelas companhias aéreas de bandeira como a TAP e o segundo pelas companhias low cost como a Ryanair.

O meio de transporte mais barato para se deslocar entre o aeroporto de Fiumicino e o seu destino final é viajar no comboio regional e no metro (linha B até à estação Termini). O bilhete conjunto custa 2,90 €.

A melhor opção ara se deslocar entre o aeroporto de Ciampino até ao centro de Roma é viajar nos autocarros da empresa Terravision. O bilhete custa 6 €, se comprado no momento, ou 4 € se comprado online. A viagem demora cerca de 40 minutos.

Informações detalhadas sobre as melhores opções de viagens entre os aeroportos Fiumicino e Ciampino para Roma.

Para se deslocar na cidade de transportes públicos dispõe de várias opções com preços diferenciados.

Um bilhete simples (Biglietto Integrato a Tempo) custa 1,5 € e é válido durante 100 minutos em toda a rede de transportes (autocarros, metro e tram). O bilhete diário (Biglietto Giornaliero Integrato) custa 6 € e um bilhete turístico de 3 dias (Biglietto Turistico Integrato) custa 16,50 €.

O Roma Pass poderá ser uma boa escolha se ficar mais de três dias na cidade. O passe turístico inclui entradas gratuitas nos dois primeiros museus ou monumentos visitados, viagens ilimitadas nos transportes públicos, preços reduzidos e descontos em vários museus e locais de interesse histórico e cultural, exposições, e espetáculos de teatro e dança.

Onde Ficar

O alojamento em Roma não é propriamente barato e o nível de qualidade não é dos melhores, principalmente de estivermos a falar de hotéis do nível intermédio.

Por isso, é indispensável fazer pesquisas com algum tempo de antecedência para garantir as melhores ofertas de estadia.

Por exemplo, o portal de reservas Booking.com dispõe de uma ampla oferta de hotéis em Roma a preços económicos. Já para alojamentos em hostels recomendamos a consulta do site Hostel Bookers.

A localização geográfica do hotel é bastante importante para uma visita a Roma e a proximidade ao centro é essencial para, por um lado ficar próximo das principais atrações turísticas e, por outro lado, poder poupar algum dinheiro nas deslocações dentro da cidade.

Em termos de custo-beneficio os melhores bairros para ficar em Roma são: San Giovanni, Monteverde, Trieste, Monte Sacro e Nomentano.

Onde Comer

Tal como o alojamento, os restaurantes também não são muito baratos em Roma, mas isso não significa que não seja possível encontrar bons locais para comer a tradicional comida italiana sem ser necessário ficar com a carteira quase vazia.

Procure os restaurantes de menor dimensão, afastados do centro da cidade e das principais atrações turísticas e que sejam frequentados pela população local. Nestes restaurantes é possível comer um saboroso prato de pasta acompanhado por um bom copo de vinho.

Uma fatia de piza na rua custa entre 2€ e 3€. À hora de almoço alguns restaurantes fazem preços de menu especiais que incluem um prato de pasta, prato principal, bebida e café com preços que variam entre 8€ e 15€.

Enquanto estiver em Roma não se limite apenas às pizas e às massas e prove outras iguarias tipicamente locais como o Suppli, o Carcifoli alla romana, o Scaloppine alla romana, e a Trippa alla romana.

O Que Ver, Visitar e Fazer

Basílica e Praça de São Pedro

Um dos bilhetes-postais de Roma é a Basílica e a Praça de São Pedro. A magnífica cúpula trabalhada por Michelangelo e as obras-primas existentes no interior (Pietá e Baldaquino) são pontos de visita obrigatória.

A Basílica de São Pedro está aberta das 7h às 19h, entre abril e setembro (horário de Verão), e das 7h às 18h de outubro a março (horário de Inverno). A entrada é gratuita.

Para visitar a famosa cúpula de Michelangelo é necessário pagar 6 € se for de escadas ou 7 € se fizer a visita de elevador.

Para evitar as filas frequentes é aconselhável chegar nas duas primeiras horas da manhã. A hora de almoço e o fim da tarde também são períodos de menor afluência de turistas.

Para visitar a Praça e a Basílica de São Pedro utilize o metro (linha A) e saia na estação Ottaviano-S.Pedro.

Viagens para Roma - Basílica e Praça de São Pedro

Praça de São Pedro

Fontana di Trevi

A Fontana di Trevi é um dos locais mais fotografados de Roma. Está localizada nas proximidades da Via del Corso, uma das principais ruas comerciais da cidade.

Para evitar as grandes aglomerações de turistas visite o local logo pela manhã, ao final da tarde e à noite.

Fontana di Trevi ao fim da tarde

Fontana di Trevi

Museus do Vaticano

Os Museus do Vaticano são outro dos pontos de visita obrigatória na capital italiana. A vasta coleção de arte grega e egípcia e as obras de arte de pintores consagrados como Leonardo da Vinci, Giotto, Rafael, e Caravaggio representam um dos maiores acervos artísticos da Europa. A Capela Sistina com as pinturas de Michelangelo merece uma visita mais atenta.

Os Museus do Vaticano são dos locais mais visitados em Roma. Para evitar as filas recomendamos a compra dos bilhetes com antecedência na página online de reservas do Museu. As entradas custam 16 € (incluindo taxa de reserva online).

Os Museus estão abertos de segunda-feira a sábado entre as 9h e as 18h. No primeiro domingo de cada mês as visitas são gratuitas até às 14h.

Coliseu, Monte Palatino, Arco de Constantino e Fórum

O Coliseu é outro dos ícones de Roma e um dos locais mais fotografados pelos turistas. Tal como para as outras atrações turísticas é conveniente fazer a reserva das entradas com antecedência para evitar as extensas filas que se formam logo pela manhã.

O bilhete custa 12 € e dá direito à entrada no Coliseu, ao Monte Palatino e ao Fórum Romano. Entre o Coliseu e o Palatino pode ainda conhecer o Arco de Constantino.

A compra do ingresso pode ser feita aqui. As portas abrem às 8h30 e fecham às 16h30 no horário de Inverno e às 19h no horário de Verão.

Forum Romano, Coliseu e Arco de Constantino

Forum Romano

Campo de Fiori

O Campo de Fiori é um dos locais mais aprazíveis da capital italiana. A melhor forma de descobrir este local é circular a pé.

O mercado e feira funcionam de segunda-feira a sábado. À noite, os bares e cafés estão de portas abertas.

Panteão

O Panteão está localizado na Praça da Rotunda no centro da cidade e pode ser visitado de segunda a sábado das 9h às 18h30. Aos domingos a entrada é grátis entre as 9h e as 13h.

Castel Sant’ Angelo

Nas margens do Rio Tibre vislumbra-se o Castel D’Angelo. A partir do topo do castelo é possível obter uma das mais belas vistas panorâmicas sobre a capital italiana.

O castelo está aberto de terça a domingo entre as 9h e as 19h30. A entrada custa 8,50€. Para visitar este local apanhe a linha A do metro e saia e desça na estação Lepanto.

Piazza di Spagna

A Piazza di Spagna (Praça de Espanha) é um dos locais mais movimentados da cidade com grandes aglomerações de turistas e de habitantes locais. Aqui encontra a famosa escadaria de Espanha, imortalizada em inúmeros filmes italianos, e a igreja Trinitá dei Monti.

Villa Borghese

A Villa Borghese, está situada a norte da Piazza di Spagna, e é o local ideal para relaxar da azáfama da cidade. No parque encontra ainda a Galleria Borghese que alberga obras-primas de artistas de renome como Rafael e Caravaggio.

A Villa Borghese é um dos maiores espaços verdes de Roma

Villa Borghese, um retiro para passear

Piazza Navona

A Piazza Navona é considerada a maior praça pública da capital italiana. De noite ou de dia este espaço tem sempre um encantamento especial com a sua arquitetura barroca e as esplanadas que convidam a sentar e a apreciar o movimento e o ambiente envolvente.

Guia de Viagem para Roma

Transferes dos aeroportos Fiumicino e Ciampino para Roma
Voos Baratos para Roma

Comentar