Manaus e Belém são os Novos Destinos da TAP no Brasil

A TAP vai aumentar o número de destinos no Brasil. Com o inicio das operações para Manaus e Belém, a TAP passa a oferecer voos para 12 cidades brasileiras com mais de 70 ligações aéreas por semana.

Os voos entre Lisboa e Manaus / Belém têm inicio no dia 3 de junho com uma frequência trissemanal.

Esta nova oferta da companhia aérea portuguesa é uma excelente noticia para os dois lados do Atlântico. Por um lado, os portugueses passam a ter ligações diretas para a região da Amazónia e o Norte do Brasil.

Os viajantes brasileiros residentes nestas cidades passam a ter voos diretos para a Europa. Até aqui era necessário viajar até ao Rio de Janeiro ou São Paulo, por exemplo, para viajar para o continente europeu.

Voos TAP para Manaus e Belém

Voos TAP para Manaus e Belém

Nas palavras dos responsáveis da TAP estas novas ligações têm ainda como objetivos aproveitar o efeito da promoção do Campeonato Mundial de Futebol e dos Jogos Olimpicos e transformar os aeroportos destas cidades num hub de distribuição para outras regiões do Brasil.

A nova ligação da TAP para Manaus e Belém acaba por ser uma excelente notícia para os viajantes dos dois lados do Atlântico. Em particular, os turistas portugueses, passagem a dispor de uma nova entrada no Norte do Brasil com muito para ver e descobrir.

As cidades de Manaus e Belém oferecem por si só razões para serem visitadas, principalmente a capital do Pará. Mas é a Amazónia que decerto vai ser o destino que muitos vão querer visitar. Existem vários passeios e excursões que é possível planear a partir das duas cidades.

É aconselhável levar na bagagem roupa muito fresca e leve, pois em Manaus e Belém as temperaturas e a humidade relativa é elevada durante todo o ano. A chuva também é uma constante todo o ano e todos os dias, mas isso não é preocupação para os habitantes locais.

As compras das passagens aéreas para Manaus e Belém podem ser adquiridas no portal de reservas flytap.com. Conheça ainda os outros novos destinos da TAP na Europa e América do Sul.

Comentar