TAP com Voos Promocionais: Madeira por 36 euros

A transportadora aérea nacional está a promover uma campanha de bilhetes de avião baratos para a Madeira anunciando tarifas por 36 euros, por trajecto, à partida de Lisboa e Porto.

Esta promoção de voos baratos é válida para reservas efectuadas até 21 de Novembro e para viagens a realizar entre 9 de Novembro e 31 de Maio.

No entanto, a tarifa ao preço mais baixo, não se encontra disponível durante o período de Natal e Ano Novo (15 de Dezembro de 2010 a 9 de Janeiro), no período de Carnaval (4 a 13 de Março) nem para o período de Páscoa (8 a 25 de Abril).

Os voos mais baratos estão sujeitos a condições especiais e os lugares são limitados.

Uma viagem de ida e volta para a ilha da Madeira fica por cerca de 72 euros com todas as taxas incluídas.

Viagens low cost para a Madeira

Voos Baratos Madeira

Uma tarifa extremamente concorrencial quando comparada com os preços oferecidos pelas companhias aéreas low cost easyJet (partida de Lisboa) e Transavia (partida do Porto).

Se está a planear visitar a Madeira esta é uma excelente ocasião para visitar uma das maravilhas naturais de Portugal, seja durante um fim-de-semana ou numas mini-férias em família.

A melhor maneira de conhecer a ilha é alugar um automóvel. Desta forma tem uma maior flexibilidade para organizar os seus passeios e itinerários e visitar o que quiser e quando quiser.

Um passeio turístico pode começar pelo centro do Funchal e com a subida de teleférico até à freguesia do Monte para visitar a igreja local prosseguindo depois em direção ao Miradouro da Eira do Serrado com paisagens deslumbrantes sobre o Curral das Freiras. No regresso poderá passar pelo Miradouro Pico de Barcelos.

Outros itinerários a considerar são as visitas à vila piscatória de Câmara de Lobos, ao Cabo Girão, às piscinas de Porto Moniz, e ao Miradouro Véu da Noiva. Noutro dia pode fazer outro percurso que passa pela Camacha, Pico do Areeiro, Santana e Machico.

Os voos baratos para a Madeira a 36 euros estão disponíveis em flytap.com.

Comments are closed.